A fotógrafa Naira Mattia diz por que as lentes 35mm, 50mm e 85mm são as suas preferidas e recomenda muito o uso de todas elas em muitas aplicações. Clique e saiba por que elas são tão amadas.

Minha primeira lente Canon foi uma lente de kit. Veio junto com a EOS 60D, uma câmera com sensor APS-C, e era uma EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 . Lembro que, desde aquela época, meu desejo era fazer retratos com fundos bem desfocados e não entendia muito bem as variáveis que influenciavam no foco seletivo.

Assim que fui aprendendo mais sobre retratos, entendi que lentes fixas, ou seja, sem zoom, costumam ser ideais para esse tipo de foto. Elas possuem menos espelhos e vidros internos, de forma que a luz passe por menos barreiras e seja possível conseguir fotos mais luminosas, mais nítidas e com um foco mais seletivo.    

Meu desejo sempre foi encontrar uma nitidez superior e um foco bem seletivo em minhas imagens, e minha primeira atitude foi procurar esses elementos nas lentes prime, ou seja, nas lentes fixas, sem zoom. 

Sendo assim, comprei na época uma EF 50mm f/1.8 II (modelo antigo, substituído pela EF 50mm f/1.8 USM) e já senti uma grande melhora nos meus retratos em relação à lente anterior.

No entanto, uma coisa me incomodava. Como eu tinha uma câmera com sensor APS-C, ou seja, que cortava quase um terço da imagem para fora da foto, a lente 50mm ganhava uma distância focal semelhante à da 85mm. Por causa disso, na primeira oportunidade, fiz duas coisas: troquei minha EOS 60D por uma câmera full frame, a EOS 6D, porque já queria uma câmera full frame havia um tempo, e, como queria fazer retratos com mais contexto em volta das pessoas fotografadas, escolhi uma EF 35mm f/2 IS USM para fazê-los. 

 

Lentes 35mm

Nem preciso dizer que fiquei apaixonada pela imagem dessa lente. Por ser um modelo de qualidade superior, as cores eram claramente mais vibrantes e o foco era muito mais nítido, mesmo fotografando com a lente em sua abertura máxima. A EF 50mm f/1.8 II oferece um benefício incrível relacionado ao seu custo, mas, claramente, uma lente de montagem superior oferece resultados melhores.

Entretanto, algo ainda me incomodava: dessa vez, era a distorção que a perspectiva da 35mm causava no rosto dos retratado s. Uma distorção que nunca havia visto sinalizada em reviews pela internet. Por mais que a imagem fosse incrível, o tamanho das cabeças, mãos e narizes era sempre maior do que o normal. O GIF abaixo, por exemplo, mostra a diferença das proporções de uma pessoa fotografada com uma EF 35mm f/2 IS USM e com uma EF 85mm f/1.8 USM

 

Repare no tamanho do nariz, da testa e das mãos. As proporções ficam muito melhores com uma 85mm

 

Só o tempo me fez perceber como driblar essa distorção causada pela proximidade ao usar a EF 35mm f/2 IS USM. Na verdade, quando bem empregada, podemos usar essa distorção a nosso favor, criando efeitos únicos. As fotos abaixo são retratos feitos por uma 35mm: 

 

Canon EOS 6D - EF 35mm f/2 IS USM - 35mm, f/2, 1/640s, ISO 200 Acho a perspectiva da 35mm ótima para adicionar contexto às fotos

 

Canon EOS 6D - EF 35mm f/2 IS USM - 35mm, f/2, 1/4000s, ISO 200 Adoro o efeito desconcertado das linhas curvas desta imagem. Essa impressão foi causada pela perspectiva natural da lente, que distorce as linhas para captar uma área maior

 

Canon EOS 6D - EF 35mm f/2 IS USM - 35mm, f/2, 1/1600s, ISO 200 Para fazer uma foto como esta, minha escolha automática é a 35mm, já que precisaria de um recuo maior para conseguir esse enquadramento com a 50mm ou com a 85mm

 

Lentes 50mm

De todas as três lentes, meu porto seguro é sempre a 50mm, por ser uma ótima ferramenta para se fazer retratos: apesar de não oferecer o foco sensivelmente mais seletivo da 85mm, sua angulação é semelhante à do olho humano e não causa distorções significativas de perspectiva , como a 35mm.

 

 

Na época em que identifiquei as distorções da 35mm, decidi que uma lente 50mm seria ideal para fazer meus retratos, sem ficar presa ao enquadramento limitado da 85mm. É uma escolha versátil e de ótimo custo-benefício, já que, dentre as 50mm, temos a opção da EF 50mm f/1.8 STM – uma opção que eu indicaria de olhos fechados para fotógrafos iniciantes que desejam fazer retratos e imagens com o foco bem seletivo.

 

 

Lentes 85mm

Minha terceira lente prime foi um sonho que sempre tive: a EF 85mm f/1.2L II USM. Um modelo com foco poderoso, doce, mas, como todo gigante, lento e um pouco difícil de usar:

 

  

1 - Canon EOS 6D - EF 85mm f/1.2L II, a f/1.6, 1/800s, ISO 200 / 2 - Canon EOS 6D - EF 85mm f/1.2L II, a f/1.4, 1/1250, ISO 100

 

Nos GIFs, foi usada uma lente EF 85mm f/1.8 II com abertura f/2 – uma lente que, além de mais barata, leve e de foco rápido, dá um efeito muito bonito.

Minha relação com a 85mm é de amor total. Esse modelo oferece uma perspectiva perfeita para fazer retratos na altura do peito do fotografado, ao mesmo tempo em que se fica em uma distância confortável da pessoa. As proporções ficam muito bonitas. Mas, para usar essa lente, me limito a retratos em situações mais ou menos controladas. Imagine fotografar uma criança agitada pensando em foco o tempo todo? Ou um grupo grande, em que todo mundo precisa estar em foco? Não combina.

 

Conclusão

Hoje, essas três lentes são minhas companheiras inseparáveis. Só o tempo trabalhando com elas me fez entender realmente para qual tipo de situação cada uma delas servia, o que era minha principal dúvida antes de escolher meu set de lentes.

Para a 35mm, fotos de paisagem ou retratos com contextos.

Para a 50mm, retratos que exijam foco rápido ou enquadramentos variados.

Para a 85mm, retratos apaixonantes, próximos e com foco suave.

De uma forma muito resumida, é assim que trabalho.

 

E também depende do que você precisa. Contexto ou detalhe?

 

 

Hoje, depois de toda essa história de autoconhecimento, minhas lentes favoritas são a EF 35mm f/2 IS USM e a EF 85mm f/1.2L II. Costumo revezar entre elas quando fotografo. As duas fotos seguintes, por exemplo, foram feitas no mesmo lugar. Perceba o foco sensível da 85mm e a composição interessante feita com a 35mm:

 

Canon EOS 6D - EF 85mm f/1.2L II, a f/1,4, 1/640s, ISO 200

 

Canon EOS 6D - EF 35mm f/2 IS USM, a f/2, 1/250s, ISO 200

 

Portanto, por mais que reviews ajudem a entender como é usar cada tipo de lente fixa, só o tempo de uso pode determinar o que você realmente precisa para fotografar.  

 
jd7ZN238P7hfg7EFP57mXjZx https://dashboard.nama.ai false CanonBot Olá, eu sou Canonbot, o assistente virtual da Canon do Brasil. Aqui você poderá solicitar serviço de assistência técnica, consultar sobre produtos e tirar algumas dúvidas sobre a nossa loja virtual oficial! Como posso ajudar? Rastrear Pedido Assistência Técnica CPS Canon College Filmadoras Lentes Câmeras Flash Loja Virtual Impressora https://www.canon.com.br/img/layout/logo-chat.png 30