Fotografar gestantes é registrar um momento único na vida de uma mulher e sua família. É preciso sensibilidade e boa técnica para ter as melhores imagens. Confira algumas dicas precisas de Daniela Margotto, profissional que trabalha há anos com esse segmento da fotografia.

Há cerca de seis anos, quando comecei a fotografar gestantes, seguia apenas minha intuição e referências da internet.

Com o passar do tempo, notei que certas poses funcionavam melhor que outras e que alguns truques eram muito úteis. Fiz alguns cursos para direção de modelos e técnicas de envolvimento de casal que me ajudaram muito. Uni o aprendizado a minhas descobertas e aplico em meus ensaios. 

As dicas abaixo são algumas ações que uso em meus ensaios. Espero que seja útil para você também.

1. Envolvimento: antes de qualquer coisa, crie vínculo com a gestante. Se ela estiver com outros filhos e o marido, faça isso com eles também. No momento que encontrá-los, pergunte, converse sobre o momento que estão vivendo, conte experiências. É importante que a gestante confie em você e ter uma boa relação é um ótimo começo. Se doe para receber. 

 

Leticia 1 - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 58mm - f10 - 1.125 seg

2. Tenha criatividade nas poses: instruo desde o início da sessão para que a mãe afaste o queixo do pescoço, inclinando-o um pouco para baixo. Aviso que pode parecer estranho, mas que na foto fica ótimo, porque evita que fique com "papada".  Além disso, estar um pouco acima do nível do rosto dela ajuda a evitar esse problema. Muitas vezes subo num banquinho de mais ou menos 20 centímetros. Para que a barriga seja destacada, peço que a mãe coloque as mãos na barriga, ou forme um quase círculo com as mãos, ou na lateral. Também peço que dobre a perna que está mais perto de mim, com o pé quase em "ponta-de-pé". Digo que olhe para o bebê e que tente imaginar o rostinho dele. Depois que finalizo a pose, às vezes, uso técnicas para que ela tente se desligar da fotografia e fique totalmente conectada com o bebê ou com o pai.

 

Ligia - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 34mm - f9,0 - 1.125 seg

 

3. Quando fotografar em fundo preto (uso veludo preto), coloque atrás da gestante uma luz de cabelo, também conhecida como Luz de Contra, principalmente se o cabelo for escuro, para que ele se destaque do fundo. Importante: sempre coloco a luz de cabelo com um ponto ou um ponto e meio a mais para que a luz da frente não a anule.

 

Roberta - Canon 5D MarkIII - ISO 250 - 54mm - f14 - 1.160 seg

 

4. Tenha em mente um guia de poses: por mais que eu queira propor algo diferente em algumas sessões, já tenho uma noção de quais poses funcionam melhor. Evite pensar e perder muito tempo no famoso "e agora, o que vou fazer?".

5. Use música! Se a sessão for em estúdio, coloque uma boa música. Ajuda muito a descontrair. Tenho uma playlist criada especialmente para sessões de gestantes. Se no ensaio tiver participação de outro(s)  filho(s), coloco músicas de acordo com a faixa etária das crianças. Uma boa ideia é usar brinquedos para que elas se sintam bem e curtam o momento. Nesta hora minha assistente brinca com os pequenos para que eu consiga fotos bem espontâneas. 

 

                
 
Helena - Canon 5D MarkIII - ISO 200 - 50mm - f9,0 - 1.125 seg / Vania - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 38mm - f8,0 - 1.125 seg

6. Tenha sempre peças de roupa a mais. Alguns dias antes da sessão, instrua a gestante sobre o que trazer de figurino. Calça e tops pretos, jeans ou shorts, roupas sem estampas, etc. Além das roupas da cliente, tenho minhas próprias produções. Nunca se sabe. Rendas e sedas de diversas cores, vestidos, tops, camisa branca, etc. Uma boa dica é preferir roupas sem estampas, elas facilitam a edição das imagens na pós-produção.

 

Maira - Canon 5D MarkIII - ISO 125 - 58mm - f9,0 - 1.160 seg

 

7. Mostre o visor da câmera: logo no início do ensaio, mostro algumas fotos que eu acho que são as melhores delas até então. Olham o visor e custam a acreditar que são elas que estão ali. Isso dá confiança à gestante, ela passa a se soltar mais e acreditar nas suas ideias e sugestões.

8. Elogie: faça-a se sentir linda. Independente da gestante, toda mulher tem sua beleza. Enalteça os pontos positivos.

 

               
Stefanie 2 - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 58mm - f16 - 1 / Stefanie 3 - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 54mm - f10 - 1.125 seg

 

9. Mostre alegria e envolvimento durante o ensaio. Para ela, aquela é uma experiência única.

10. Cabelo e maquiagem: incentive para que ela os faça, principalmente se a sessão for em estúdio. Ajuda a gestante a se sentir mais bonita e evita que você faça muitos retoques na pós-produção. Este é um dia especial, faça-a sentir assim.

11. Crie conexões entre o casal: algumas coisas que você falar durante a sessão, podem criar risos, amor, cumplicidade e emoção entre eles. Existem técnicas e cursos específicos de como desenvolver (caso este tipo de direção agrade e você queira aprender, existe uma técnica chamada "beloved" do fotógrafo Jesh de Rox). Você pode começar com momentos alegres, passar para cumplicidade, emoção e depois finalizar com leveza e bom humor para que ela não vá embora muito emotiva. Essas técnicas funcionam bem para casais.

 

Stefanie 1 - Canon 5D MarkIII - ISO 100 - 57mm - f10 - 1

 

Importante: se não for seu estilo dirigir com técnicas de envolvimento do casal, não force, você consegue ótimos resultados tendo em mente seu guia de poses, criando vínculo com a gestante, fazendo o ensaio com leveza, fazendo-a se sentir bonita e especial. É um momento único para ela. Arrisque. Mude. Experimente. Curta o momento!

 
jd7ZN238P7hfg7EFP57mXjZx https://dashboard.nama.ai false CanonBot Olá, eu sou Canonbot, o assistente virtual da Canon do Brasil. Aqui você poderá solicitar serviço de assistência técnica, consultar sobre produtos e tirar algumas dúvidas sobre a nossa loja virtual oficial! Como posso ajudar? Rastrear Pedido Assistência Técnica CPS Canon College Filmadoras Lentes Câmeras Flash Loja Virtual Impressora https://www.canon.com.br/img/layout/logo-chat.png 30